hello world!

Disfunção erétil

Por Dr. Gustavo Franco, Urologista

Disfunção erétil ou impotência sexual é a incapacidade de ter uma ereção suficiente e adequada para manter uma relação sexual satisfatória para ambos parceiros. Cerca de 50% dos homens acima dos 40 anos apresentam algum grau de disfunção erétil. Quanto mais idoso o homem, maior a probabilidade de apresentar o problema, seja pela idade avançada ou pela maior prevalência de doenças nessa faixa etária que são fatores predisponentes ou que perpetuam o distúrbio da ereção.

Outras disfunções sexuais podem estar correlacionadas à disfunção erétil, tais como ejaculação precoce e diminuição da libido.O paciente, de maneira geral, desconhece sua própria sexualidade e confunde as disfunções sexuais, rotulando todas elas como “impotência”.

A ereção está diretamente relacionada à dinâmica da musculatura lisa dos corpos cavernosos; havendo relaxamento desta musculatura tem se a ereção e a contração da mesma leva à detumescência. Doenças ou quaisquer fatores que desequilibrem esta homeostase de relaxamento da musculatura e consequente diminuição do fluxo sanguíneo para os corpos cavernosos podem causar distúrbio erétil.

Diabetes mellitus tipo 1 e 2, hiperlipidemias, obesidade, hipertensão arterial, sedentarismo, tabagismo, ou seja, doenças e condições que são fatores de risco para a doença coronariana também são fatores para a disfunção erétil.

Várias são as causas da impotência sexual, desde causas psicogênicas ou iatrogênicas (uso de determinados medicamentos ou cirurgias, por exemplo), até doenças metabólicas, cardiovasculares, neurológicas, endocrinológicas. É fundamental a avaliação do urologista para definir o melhor tratamento para cada paciente, que poderá ser através de psicoterapia, medicamentos via oral, auto-injeção intracavernosa ou cirurgia para implante de prótese peniana. A disfunção erétil ou DE, poderá impedi-lo de obter a satisfação desejada.

Mesmo para procurar informações é preciso ter coragem e a vergonha é muitas vezes o principal inimigo para se conseguir um tratamento adequado. O médico urologista poderá ajudá-lo a conseguir uma qualidade de vida melhor.

A prática regular de atividade física é capaz de melhorar a circulação sanguínea, fortalecer o sistema imunológico, ajudar a emagrecer, diminuir o risco de doenças cardíacas e disfunção erétil. Cuide do seu corpo e tenha uma qualidade de vida melhor.

Agende sua consulta

Gustavo Franco - Urologista
Top
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram